Macro-atividade #276

Atividade 5: Desenvolvimento de ambientes de SaaS específicos na UFCG

Adicionado por Antônio Tadeu Azevedo Gomes aproximadamente 5 anos atrás. Atualizado mais de 4 anos atrás.

Situação:Em andamento Início:01/11/2012
Prioridade:Normal Data prevista:30/10/2013
Atribuído para:Abmar Barros % Terminado:

100%

Categoria:- Tempo gasto: -
Versão:-

Descrição

Esta atividade contempla a divulgação da plataforma mc2 junto a potenciais usuários na UFCG, com o objetivo de identificar aplicações que possam ser executadas na plataforma mc2. Identificadas essas aplicações, as mesmas serão utilizadas para a configuração de ambientes de SaaS customizados que facilitem a utilização da aplicação por seus usuários.

mudancas-climaticas.png (129,9 KB) Abmar Barros, Quinta, 07 de Novembro de 2013, 19:31 hs

mudancas-climaticas.jdf (478 Bytes) Abmar Barros, Quinta, 07 de Novembro de 2013, 19:31 hs

mudancasclimaticas-alg.zip (4,4 MB) Abmar Barros, Segunda, 25 de Novembro de 2013, 19:41 hs

cisternas.jpg (152,3 KB) Abmar Barros, Segunda, 25 de Novembro de 2013, 19:41 hs

lista-algoritmos.jpg (128,7 KB) Abmar Barros, Segunda, 25 de Novembro de 2013, 19:41 hs

mudancasclimaticas.jpg (151,5 KB) Abmar Barros, Segunda, 25 de Novembro de 2013, 19:41 hs

reservatorios.jpg (168,8 KB) Abmar Barros, Segunda, 25 de Novembro de 2013, 19:41 hs

reservatorios-alg.zip (77,9 KB) Abmar Barros, Segunda, 25 de Novembro de 2013, 19:41 hs

cisternas-alg.zip (70,9 KB) Abmar Barros, Quinta, 16 de Janeiro de 2014, 18:17 hs

Histórico

Atualizado por Abmar Barrosaproximadamente 5 anos

Após analisar possíveis aplicações que podem ser executadas na plataforma, decidimos começar a implantação pelo projeto SegHidro, que disponibiliza um conjunto de ferramentas para uma melhor gestão dos recursos hídricos. Essas ferramentas extraem e analisam grandes quantidades de dados climáticos, podendo formar workflows de diferentes formatos. O grande desafio de criar um ambiente SaaS para esse conjunto de ferramentas é adaptá-las para um formato executável standalone, para que seja possível fazer upload e execução nos recursos. Atualmente estamos adaptando a ferramenta de extração de dados (Mudanças Climáticas) para um formato standalone.

Atualizado por Antônio Tadeu Azevedo Gomesaproximadamente 5 anos

  • Data prevista ajustado para 30/10/2013
  • Situação alterado de Nova para Em andamento
  • % Terminado alterado de 0 para 50

Atualizado por Antônio Tadeu Azevedo Gomesaproximadamente 5 anos

  • Início ajustado para 01/11/2012

Atualizado por Abmar Barrosmais de 4 anos

Após modificar o MudancasClimaticas para um formato standalone, criamos um job OurGrid que fosse capaz de recriar as funcionalidades encontradas em http://mudancasclimaticas.seghidro.lsd.ufcg.edu.br/. Conseguimos testar com sucesso em nossa comunidade usando os dados coletados pelo IPCC (http://www.ipcc-data.org/sim/gcm_clim/SRES_AR4/index.html). O passo seguinte foi criar um algoritmo CSGrid que fosse capaz de recriar este job a partir do SGA OurGrid, e que também funcionasse em outras plataformas.
Assim criamos o algoritmo MudancasClimaticas (em anexo), testado em nosso deployment CSGrid local com SGAs OurGrid. Depois disso, começamos a implementar mais dois algoritmos, o Cisternas e o Reservatórios (http://seghidro.lsd.ufcg.edu.br/index.php?option=com_content&view=article&id=46&Itemid=57&lang=en). Já conseguimos refatorar as duas aplicações para um formato standalone, nos resta criar algoritmos CSGrid para cada uma delas.

O próximo passo para concluirmos esta tarefa consiste em criar portais usando o PortEditor para cada as três aplicações SegHidro aqui citadas. Ainda cheguei a acessar o PortEditor do SINAPAD (www.lncc.br/sinapad/PortEditor) para tentar gerar o WAR de um algoritmo qualquer e configurá-lo para utilizar os nossos algoritmos e nosso OpenBus local, mas a aplicação estava fora do ar.

Em anexo seguem um exemplo de um JDF que utiliza o MudancasClimaticas, um printscreen da janela de parâmetros do algoritmo no CSGrid e os arquivos fonte do algoritmo.

Atualizado por Abmar Barrosmais de 4 anos

Na última semana,integrei mais duas aplicações do SegHidro (Cisternas e Reservatorios) ao nosso CSGrid local e fizemos a implantação do PortEngin com esses três algoritmos.

Para conseguir colocar o PortEngin para executar em nossa infraestrutura, tive que atualizar o CSGrid para a versão 1.8, disponibilizada por Bruno, ao mesmo tempo que tive que mudar o OpenBus da versão 2.0 para uma versão 1.5.x. Além disso, percebi que os algoritmos não eram carregados pelo PortEngin uma vez que eles faziam uso das tags <grupo_de_entrada> e <grupo_de_saida>. Após essas modificações, o PortEngin carregou com sucesso os três algoritmos mencionados.

Em anexo seguem screenshots da nossa implantação do PortEngin, além das últimas versões dos algoritmos das aplicações SegHidro.

Atualizado por Abmar Barrosmais de 4 anos

  • Arquivo excluído (mudancasclimaticas-alg.zip)

Atualizado por Abmar Barrosmais de 4 anos

  • % Terminado alterado de 50 para 100

Nos últimos meses fizemos um deployment interno ao LSD do portal SegHidro, criado a partir do PortEngin. O portal disponibiliza três das aplicações do SegHidro: Mudanças climáticas, Cisternas e Reservatórios. Neste deployment, também instalamos o SGA OurGrid, que funciona como proxy de submissões do CSGrid para o OurGrid.

Entramos em contato com a equipe que originalmente trabalhou no SegHidro, e conseguimos dados reais para as aplicações citadas. Estes dados podem ser encontrados em [[http://www2.lsd.ufcg.edu.br/~tellesmvn/Seghidro/SegHidro/Seghidro%20-%20Apresenta%C3%A7%C3%A3o]]/.

Com os dados em mãos, testamos com sucesso todos os três algoritmos propostos.

Atualizado por Abmar Barrosmais de 4 anos

  • Arquivo excluído (cisternas-alg.zip)

Atualizado por Abmar Barrosmais de 4 anos

Atualizando cisternas-alg.zip

Exportar para Atom PDF